sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Banlist Setembro de 2012 - Especulações do Buba

Ae galera! Bem, Setembro vem chegando aí e com ele a nova banlist se aproxima. Não é à toa que muitas versões falsas da lista andam circulando pela net, mostrando as ideias e muitas vezes a cara de pau de seus criadores (no caso daqueles que alegam que a lista deles é verdadeira). Agora, eu, humilde redator desse blog, mostrarei minhas opiniões sobre como deveria ser a banlist. Lembrando que a konami é muito imprevisível e que é praticamente impossível prever exatamente como as coisas irão acabar, mas as minhas previsões são as seguintes:


Banidas:

Black Luster Soldier - Envoy of the Beginning -  Já se passou um ano desde a liberação desse guerreiro lendário. E foi muito bom enquanto durou, porém acho que já está na hora de BLS voltar para onde nunca deveria ter saído. O impacto dele no jogo é muito grande, seu custo de invocação é ridículo e seu efeito nem se fala. O fato de que ele aparece em muitos decks mais como causa do que como consequência só prova que ele é forte demais e merece ser banido. Ainda por cima, a Gold Series 4, onde ele vinha como Gold Rare, já foi substituída com o lançamento da nova caixa dourada, o que só pesa contra BLS pois a Konami já explorou por completo seu potencial comercial. Infelizmente, acho que de mês que vem ele não passa.

Future Fusion - Essa carta é uma verdadeira máquina de OTKs, seja ela usada com os Heroes, seja ela usada com os Dragons, seja ela usada com as Machines. Como já disse no Yu-gi-Oscar desse mês, chamar uma fusão é o menor dos usos dessas cartas - a real função dela é servir como uma espécie de Foolish Burial turbinado, mandando muitos monstros para o cemitério de uma vez só. Não vou nem comentar muito os inúmeros combos que essa Spell ocasiona, pois todos nós conhecemos. Só queria frisar que ela é uma carta que merece estar banida, até para enfraquecer um pouco os chatíssimos Chaos Dragons.

Wind-Up Hunter - Se tem uma coisa que a Konami odeia são cartas capazes de destruir a mão do oponente (basta ver que  Prohibition e Time Seal estão banidas atualmente). Hunter faz exatamente isso, e diferentemente de muitos outros Hand Loops, o dele chegou a nível de Meta. Acho que o banimento dele seria perfeitamente justo, até porque não acabaria completamente com os bonecos de corda: simplesmente tiraria a parte mais OP deles.

Monster Reborn - Cartinha bem OP na minha opinião, se vocês não acham é provavelmente porque se acostumaram a usá-la. Staple absoluta, renasce qualquer monstro sem custo ou restrição e pode até roubar imonstros do cemitério do oponente. O bacana em bani-la seria incentivar o uso da muitas vezes esquecida Call of the Haunted. Mais motivos para o banimento dela mais para frente.

Limitadas:

Dark Magician of Chaos - Podem me xingar e me chamar de noob, mas eu acho que existe uma boa chance de DMoC ser limitado. Em primeiro lugar, ele taparia o buraco deixado pela ida de BLS (que, diga-se de passagem, é bem mais OP que ele). Em segundo lugar, ele não seria tão impactante para o jogo como foi, por exemplo, o guerreiro do caos, e isso porque ele simplesmente ele não é tão versátil assim. Dark Magician of Chaos não cabe em tudo que é deck, e isso pesa a favor da limitação dele. Tudo isso sem mencionar que, com Reborn banido, um de seus maiores abusos estaria anulado. Poderia dissertar por horas a favor da limitação dele, mas vou encerrar dizendo que o fato dele estampar a capa do booster Battle Pack - Epic Dawn só mostra o interesse da Konami em trazê-lo de volta às paradas. Se for esse o caso, preparem suas Solemn Warnings que a coisa vai ficar séria!

Inzektor Dragonfly - Acho que os Inzektors merecem e muito levar pancada, pois constituem um dos decks mais apelões e chatos de se enfrentar da história. Muitos falam que Hornet será banido, porém eu acho a limitação de Dragonfly mais plausível pois não acho que a Konami queira destruí-los por completo (ainda). Mas convenhamos que limitar uma das cartas-chave do deck já seria um belo chute no saco dos insetos, e muito merecido, diga-se de passagem. 

Evolzar Laggia - Continuando na linha ferra-meta, acho que o Evolzar Laggia será limitado. Muitos falam na limitação de Rabbit, mas eu não quero que isso aconteça pois limitar o bichinho seria uma bela facada para muitos decks 4fun. Assim, torço para que que se ferre seja o Laggia, um monstrinho pra lá de apelão que não merece ficar solto por aí.

E - Emergency Call - Toda carta que simplesmente busca monstros do deck sem custo é boa. Agora o problema mesmo é quando essas cartas fazem parte de um deck muito bom, como é o caso dos Heroes. Por isso, acho que Emergency Call pode muito bem ser limitada, sem significar a destruição do archetype. 

Semi-Limitadas:

Formula Synchron - Essa é uma mudança de já deveria ter ocorrido com o banimento das plantas. Formula Synchron é hoje praticamente inofensivo, e poucos decks conseguem abusar do efeito dele. Acho que a Konami poderia fazer o seguinte: coloca Formula a 2 agora. Se causar problemas (duvido), ok, limita ele de novo. Senão, deixe ele assim mais um ou dois formatos e então libere-o de vez para ver se desse jeito fará alguma diferença. É uma mudança que eu particularmente gostaria de ver e acharia bem sensata. 

Tour Guide from the Underworld - Nem preciso nem comentar o quenro essa carta é boa e apelona. Só queria ressaltar que o fato de logo logo ela estar disponível no OCG só pesa a favor da semi-limitação dela, o que para mim já seria mais que o suficiente para dar uma segurada na apelação da guia turística.

Book of Moon - Mais uma vez, insisto que essa seria uma mudança saudável e muito pertinente para o jogo. Book a dois ajudaria a far uma segurada no Swarm absurdo dos Chaos Dragons, no poder de Rabbit,   e seria uma ótima pedida contra a maioria dos decks Top Tiers. Enfim, é uma carta que eu gosto muito e acho que seria legal tê-la de volta em maior volume. 

Mezuki - Outra mudança que eu venho querendo já há um bom tempo. Os zumbis são um grupo legal demais para ficarem assim, esquecidos, e acho que colocando Mezuki a dois boa parte dos problemas deles estaria resolvida. Obviamente que os Zombies jamais serão tão poderosos quanto já foram um dia, quando tínhamos 3 Mezukis, 3 Plagues, 3 Cards of the Safe Return... Mas quem sabe os mortos-vivos não aparecem em alguns Tops por aí com o cavalo demoníaco a dois?

Black Whirlwind - Bem semelhante ao caso acima. As galinhas pretas andam muito abandonadas, e não seria mau dar a elas um pouco de força. 2 Whirlwinds é a solução para todos os problemas delas? Não, especialmente se levarmos em conta que o formato atual possui 3 Typhoons e Heavy Storm. Mas que ajudaria, e muito, isso ajudaria. 

One Day of Peace - Alguns podem achar estranho, mas eu não ligaria se essa Spell fosse semi-limitada. Seu efeito garante ao usuário deck thinning e proteção praticamente absoluta, o que não é pouco. É verdade que ela não tem espaço na maioria dos decks, mas mesmo assim é muito chata em decks Exodia, Final Countdown e Burn. Não acho que seja o caso de deixá-la a um, mas 2 cópias dela por deck já é algo mais que justo se levarnos em conta o potencial da carta.

Não mais na lista:

Primal Seed - Preciso Comentar? XD

Necro Gardna - Poucos decks o usam atualmente. Fora que um reforcinho para os Lightsowns, que estão pouco a pouco reconquistando espaço no Metagame, não seria nada mau.

Magical Stone Excavation - Não entendo como ainda está na lista. O custo é muito tenso e não cabe mais de duas cópias em nenhum deck. Poderia vir a três sem causar problema algum.

Então é isso galera. Comentem o que acharam da lista e que mudanças vocês gostariam de ver! Ah, e só frisando, caso os outros redatores do blog (leia-se Henrique) queira fazer um post com suas opiniões sobre a lista, fique à vontade, é legal comparar opiniões!
Comentários Facebook
3 Comentários

3 comentários:

Henrique disse...

Sim, eu já tenho o post feito aqui. Irei postar agorinha. XD

Eu gostei da lista, não tenho nada a tirar ou acrescentar. Jogaria sob essa lista Sim, porque os decks que ando usando são Dragons, Geargia e HEROes (1 E-Call é meio difícil de pegar, mas ainda tem Hero Lives e Rota).

Marcus Vinicius disse...

Será q vale apena apostar no Dark Magician of Chaos a 1 enquanto ainda é barato? Eu acho q essa carta nem de longe se compara ao BLS, mas acho q poderiam rolar uns loops muito lokos com ele.

Henrique disse...

Depende cara, você pode pegar enquanto é barato porque não vai perder tanto se ela não for limitada, e se arriscar certo pegando 2 ainda pode passar 1 por um preço alto e lucrar.

Yu-Gi-Hoje!
Design por: Felipe Leonel - Tecnologia do Blogger
Copyright © 2015
Todos os direitos reservados
imagem-logo