terça-feira, 2 de abril de 2013

Regional de Bogota, Colômbia - Quarto Colocado

Yoyoyo, estava no Facebook agora e vi uma notícia na página do Yu-Gi-Oh Nexus que alegrou meu dia! Deem só uma olhada no deck que ficou em quarto no regional de Bogota:

Imagem de Alter Reality Games

Player: Alejandro Prieto
Deck: Lightsworn

Monstros:
Aurkus, Lightsworn Druid x1
Black Luster Soldier - Envoy of the Beginning x1
Card Trooper x2
Celestia, Lightsworn Angel x1
Garoth, Lightsworn Warrior x2
Honest x1
Jain, Lightsworn Paladin x2
Judgment Dragon x3
Lumina Lightsworn Summoner x3
Lyla, Lightsworn Sorceress x2
Necro Gardna x3
Phantom of Chaos x2
Ryko, Lightsworn Hunter x2
Wulf, Lightsworn Beast x2
(27)

Spells:
Charge of the Light Brigade x1
Dark Hole x1
Forbidden Lance x1
Heavy Storm x1
Lighting Vortex x1
Monster Reincarnation x2
Monster Reborn x1
Solar Recharge x3
(11)

Traps:
Threatening Roar x3
(3)

Side e Extra:
Olhem no print que eu estou com preguiça de digitar u.u

Todo mundo que me conhece sabe que Lightsworn é um dos meus decks favoritos ever, e por isso me encheu de felicidade vê-los pegando Top, ainda que não seja em nada tão significativo como um YCS. Não que eu ache que isso se repetirá muitas vezes ao longo do formato, acho que é mais uma exceção (como foi o Frognarch no YCS Miami), mas ainda assim é bem legal de ver. Sobre o deck em si, achei ao mesmo tempo legal e estranho. Pra começo de conversa, ele não investe muito na base Chaos e usa os LS de forma mais pura, o que é bem legal porque pra mim esse é o formato mais divertido do archetype. Temos também umas techs bem legais mas não muito usadas, como os Phantom of Chaos que são ótimos para copiar o efeito de JD, de Lumina para fazer Xyz, etc. Uma carta que não entendi bem foi a Lighting Vortex ali, mas deixa quieto. Até que não deve ficar ruim no deck. E por fim, merece destaque também a Deck Lockdown no Side, uma carta pouco conhecida que impede que monstros sejam Special Summoned do deck e que os players adicionem cartas do deck à mão por alguns turnos. Problem, Prophecy, Mermail e Fire Fists? Excelente sacada! Então é isso aí, a ideia do post é só informar vocês do acontecimento e manifestar a minha alegria e de todos os LS players. Até mais \o
Comentários Facebook
6 Comentários

6 comentários:

Fairchild disse...

Poxa, estamos juntos nessa, Buba!
Um dos meus decks favoritos, mesmo sendo mais fã das variantes Twilight, mesmo essa versão rodando bem mais rápida e permitindo a win condition dos LS de forma simples.
Concordo com você sobre o deck, eu mudaria algumas coisas nele tranquilamente.
Threatening Roar, eita cartinha que tem feito sucesso no formato, nossa. Cai muito bem como proteção aos pequenos LSs...
O formato atual permite a Beckoning Light?

Lucas Gaspar disse...

Eu sou fã pra crl de Beckoning Light, Fairchild. Cansei de pegar 3 JD no cemitério e armar OTK graças a ela. É uma carta lenta, infelizmente, por isso não é tão usada. Mas, que o Phantom of Chaos com o BLS me deixou muito curioso nessa base, vou ver se faço uma variante desse LS do meu jeito.

Max disse...

a lighting vortex ta pelo discarte e destruição, to no lugar de raigeki break, que seria um alvo muito facil pra typhoon, ja que o deck não tem em tese, trap cards.

deck lockdown é legal mesmo, esqueci totalmente dessa cartinha u.u

Legal o post, ls são maneiros mesmo \o

~Apocalipse ~ disse...

Só acho que LS e gay bjs LG e Buba shushu

Anônimo disse...

n consegui enchergar o extra deck hahahah

Fairchild disse...

Penso assim também, Lucas. Uso, inclusive, em um Twilight, e nunca me arrependo de quando uso, tenho boas histórias com ela também! *3

Yu-Gi-Hoje!
Design por: Felipe Leonel - Tecnologia do Blogger
Copyright © 2015
Todos os direitos reservados
imagem-logo